quarta-feira, julho 7


Confesso que hoje me sinto feliz, quer seja com todos os sinais de vida que tens dado, ou simplesmente sem eles. Não estava habituada a ter-te longe de mim, mas agora, já se torna uma rotina e começo por encarar a realidade. Prometo escrever-te muitas e muitas mais vezes, mas não quer dizer que recebas todas as minhas cartas, ou que as mereças. Aliás, tu não devias merecer o grande valor que te dou, e sinceramnete não me apetece estragar este meu momento (raro) de felicidade, contigo. Neste últimos dias têm sido trabalhar, trabalhar, trabalhar, praia, praia, praia, amigos, amigos, amigos. Se não fossem os meus meninos, a este hora ainda passava todos os segundos do meu tempo de férias a pensar como estarás, eles fazem-me bem, muito bem!

7 comentários:

  1. não precisas agradecer, princess :'
    é sincero !

    ResponderEliminar
  2. Oh que amorosa *.*
    gostaste ? Foi feito logo pela manhã. Acordei com uma vontade louca de extravasar isso tudo, minha querida :$

    ResponderEliminar
  3. Precisamos de esquecer por momentos...para podermos sorrir um pouco =)

    ResponderEliminar
  4. tento acordar sempre assim, querida :')

    ResponderEliminar

peças